Preparamos um guia do IR diferente e inédito para facilitar a sua vida. Ele é inteiramente feito em frases de até 140 toques com as principais orientações para você preencher a sua declaração do Imposto de Renda 2016. Acompanhe:

Informações iniciais

Não se impressione com os termos técnicos, tudo que é pedido na declaração faz parte de seu dia a dia. Vamos traduzi-los aqui #IR2016

Desconto de imposto na fonte é aquele feito no momento que o rendimento é pago ao contribuinte #IR2016

O uso da declaração completa é indicado para quem tem despesas que reduzem o imposto, como as médicas e com educação #ir2016

Quem não tem muitas despesas com médicos, escola, dependente deve optar pela declaração simplificada #IR2016

Quando os 2 tiverem renda, casal pode ter vantagem em declarar separado, cada um terá seu limite de isenção #ir2016

No casal, quem tiver renda mais alta deve incluir dependentes para usar a dedução de R$ 2.063,64 por dependente #ir2016

Patrimônio é o conjunto de bens do contribuinte, incluindo carro, casa, apartamento, terreno, ações #ir2016

Pessoa Jurídica é uma empresa, uma entidade, uma organização, um órgão do governo e tem o CNPJ, Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica #ir2016

Pessoa Física é o indivíduo e tem o Cadastro da Pessoa Física, CPF #ir2016

Rendimento Tributável é aquele que já foi taxado, mas poderá ter ainda mais imposto na declaração, como salário e aposentadoria #ir2016

Rendimento Isento é livre de imposto, tanto no momento que é pago quanto na hora de lançar na declaração #IR2016

Rendimento com Tributação Exclusiva tem o desconto do IR na hora que é pago, na declaração ele só precisa ser informado #IR2016

Se recebeu menos de R$ 25.661,70, mas teve desconto de IR em 2015, pode declarar para ter restituição #ir2016

Quem precisa declarar

Quem ganhou total de salário, aposentadoria ou aluguel acima de R$ 28.123,91, em 2015, tem de declarar o IR #IR2016

Tinha bens, carro, casa ou dinheiro no banco, num total acima de R$ 300 mil, em 31.12.15? Tem de declarar o IR-2016 #IRfacil

Fez alguma aplicação em ações ou teve lucro na venda de imóvel? Precisa fazer e entregar a declaração do IR #IR2016

Se recebeu dinheiro do FGTS, aviso prévio, 13º, herança, prêmios acima de R$ 40 mil, você precisa declarar IR #IRfácil

Quem não alcançou renda de R$ 25.661,70 não precisa entregar nada à Receita #ir2016

Quem não trabalhou e não recebeu salário o ano todo de 2015 pode ter restituição se apresentar declaração #ir2016

Rendimentos

Dinheiro recebido de empresa, entidades, INSS, associações, etc. é considerado Rendimento Recebido de Pessoa Jurídica #IR2016

Desconto de imposto na fonte é aquele feito no momento que o rendimento é pago ao contribuinte #IR2016

Salário, aposentadoria ou pensão de INSS vão na ficha Rendimento Tributável Recebido de Pessoa Jurídica (PJ) #IR2016

Benefício de previdência privada e aluguel pago por empresas vão na ficha de Rendimento Recebido de PJ #IR2016

Retirada feita pelo empresário, pró-labore, vai na ficha de Rendimento Tributável Recebido de PJ #IR2016

O que o autônomo ganhou – médicos, dentistas e outros profissionais liberais – vai na ficha de Rendimento Tributável Recebido de PJ #IR2016

Na ficha de Rendimento Recebido de Pessoa Física vão pensão alimentícia pago por ex-marido #IR2016

Se inquilino for pessoa física, proprietário deve lançar valor de aluguel em Rendimento Recebido de Pessoa Física #IR2016

Rendimento pago pela caderneta de poupança e dinheiro do FGTS vão na ficha “Rendimentos Isentos” #IR2016

Dinheiro de indenização trabalhista e do seguro-desemprego vão na ficha de Rendimentos Isentos #ir2016

Dinheiro de venda de 1/3 das férias e o recebido por acidente de trabalho entram na ficha de “Rendimentos Isentos” #ir2016

Dinheiro recebido do PIS-Pasep, por acidente de trabalho e de venda de 1/3 das férias vão na ficha de “Isentos” #ir2016

Dinheiro de bolsa de estudo é isento se pagamento for caracterizado como doação e estudante não tiver de prestar serviços #ir2016

Lucro obtido na venda de imóvel de até R$ 35 mil e venda de único imóvel por até R$ 440 mil vai na ficha de R.Isentos #ir2016

Dinheiro de seguro em decorrência de morte ou invalidez permanente deve ir na ficha de “Rendimentos Isentos” #ir2016

Rendimento de Fundo Imobiliário e Letras Hipotecárias vai na ficha de “Rendimentos Isentos” #ir2016

Valores recebidos por doações e heranças entram na ficha de “Rendimentos Isentos” #ir2016

Rendimento tributado exclusivamente na fonte não terá mais imposto na declaração, mas deve ser informado #IR2016

Dinheiro do 13º, rendimento de aplicações em títulos de renda fixa e lucro na venda de imóvel vão na ficha “Tributação Exclusiva” #IR2016

Bolada de salário ou aposentadoria recebida por ação na Justiça vai na ficha Rendimentos Recebidos Acumuladamente(RRA) #ir2016

Rendimentos de fundos de renda fixa e CDB vão na ficha Rendimentos de Tributação Exclusiva, linha 06# IR2016

Resgate de plano de previdência privada, do tipo VGBL, vai na ficha de Bens e Direitos #IR2016

Resgate de plano de previdência privada, do tipo PGBL, vai na ficha de Rendimentos Recebidos de Pessoa Jurídica #IR2016

Não precisa declarar aplicação financeira ou conta corrente com saldo de até R$ 140,00 em 31.12.2015 #IR2016

Pagamentos

Você precisa lançar na declaração pagamentos feitos a profissionais e empresas. Alguns servirão para reduzir o imposto, outros, não #IR2016

Gastos com escola, saúde, dependente, pensão alimentícia, contribuição à previdência privada reduzem o imposto #IR2016

Pagamentos a médico, dentista, psicólogo, fono, etc. podem ser usados como desconto do imposto na declaração #ir2016

Despesas com hospitais, laboratórios e clínicas podem ser usadas como dedução do imposto #ir2016

Gastos com psicólogo, fisioterapeuta, aparelhos ortopédicos e dentários servem como dedução do imposto #ir2016

Você precisa ter comprovantes para todas as despesas lançadas para reduzir o imposto na declaração #Imposto de Renda 2016 

Os gastos que teve com escola para você ou seus dependentes podem ser deduzidos do imposto na declaração até o limite de R$ 3.561,50, para cada um #ir2016

Se estudo for no exterior, só poderá deduzir despesa com a escola, gastos com viagens e estada, não #IR2016

O que foi pago à escola com crédito do FIES pode ser usado como abatimento do imposto na declaração do estudante ou do titular #ir2016

Parcelas pagas ao FIES para abater o financiamento não podem ser descontadas do imposto na declaração #ir2016

Se tiver dependente, contribuinte poderá deduzir R$ 2.275,08 de seu rendimento, por dependente, no cálculo do imposto #IR2016

Quem pagou pensão alimentícia judicial pode usar total desembolsado como desconto dos rendimentos tributáveis #ir2016

Pensão alimentícia paga informalmente não pode ser deduzida, precisa ser determinada pela Justiça #IR2016

Contribuinte pode deduzir até 12% dos rendimentos do que pagou a plano de previdência PGBL, se contribuir com INSS #IR2016

Quem tem empregada doméstica registrada pode usar INSS pago a ela para reduzir o imposto até o limite de $ 1.182,20 #IR2016

Pagamento de aluguel a advogados, professor, engenheiro precisa ser lançado, mas não é descontado do imposto #ir2016

Despesas com cursos pré-vestibular, de idiomas, dança e ginástica não podem ser usadas como desconto do imposto #ir2016

Valor de consulta, exame, hospital coberto pelo plano de saúde não pode ser descontado no cálculo do imposto #ir2016

Tudo o que pagou a profissionais liberais como advogado e arquiteto precisa ser informado, mas não vai reduzir imposto #ir2016

Não podem ser deduzidas as despesas com a compra de óculos, lentes de contato ou aparelhos de surdez #ir2016 

Gasto com escola de neto, primo, sobrinho, irmão não pode ser deduzido, a menos que contribuinte tenha a guarda judicial #IR2016

Mesmo quem usar o modelo simplificado precisa informar pagamentos a profissionais como médico, advogado, professor #ir2016

Titular que paga plano de saúde para pais, filhos ou cônjuge pode deduzir despesas de quem for seu dependente #ir2016 

A Receita recebe relatórios de planos de saúde, hospital, laboratório e cruza com as informações de sua declaração #IR2016

Despesas de instrução de deficiente físico ou mental podem ser abatidas totalmente do IR. Lance com o código 21 #IR2016 

Despesas médicas com cirurgia plásticas também são dedutíveis do imposto de renda na declaração #ir2016

Se a despesa for usada para reduzir imposto, mas contribuinte não tiver comprovante, Receita aplica multa #ir2016

Doações a fundos da Criança e Adolescente reduzem bem o imposto total apurado na declaração, até 6% #ir2016

Doações para fundo do Idoso, incentivo à cultura e esportes podem ser descontadas do imposto devido #ir2016

Multa para quem inclui valor errado ou sem comprovação na declaração varia de 75% a 150% do imposto devido #IR2016

Não há limite para deduzir gastos com médicos na declaração completa. Mas precisa ter recibo #ir2016

Quando usa as deduções legais – médicos, educação, etc. – você reduz o imposto ou aumenta a restituição. Use sempre #ir2016

Todo recolhimento feito por conta própria ao INSS, em 2015, você pode descontar dos rendimentos. O imposto é menor #ir2016

2.275,78
Dependentes 

Veja quem você pode considerar como dependente na declaração. Cada dependente gera um desconto de R$ 2.275,78 no imposto #ir2016

Pais, avós, bisavós podem ser dependentes desde que em 2015 tenham rendimentos de até R$ 22.499,13, cada um #IR2016

Filhos que em 2015 completaram 22 anos, ou 25 anos se universitário, podem ser considerados dependentes #ir2016

Marido ou mulher, companheiro ou companheira, em união estável há mais de 5 anos, podem ser considerados dependentes #IR2016

Incluir parceiro em relação homoafetiva como dependente é permitido em relação existente há 5 anos #IR2016   

Aposentado só pode ser dependente de filho se recebeu rendimentos de até R$ 22.499,13 em 2015 #IR2016

Aposentado pode ser dependente de genro só se esposa estiver declarando em conjunto e for dependente #ir2016

Sogro ou sogra pode ser dependente de genro só se esposa estiver declarando em conjunto e for dependente #ir2016

Irmão, neto e bisneto, sobrinho só podem ser dependentes, se contribuinte titular tiver guarda judicial #ir2016

Pessoa incapaz pode ser dependente do contribuinte que seja legalmente seu tutor ou curador #ir2016

Dependentes do casal não podem estar nas declarações de ambos. É preciso escolher quem fica na declaração de quem #ir2016

Filhos podem ser dependentes apenas na declaração de quem tem a guarda concedida pela Justiça #ir2016

Quem considera alguém dependente na declaração precisa incluir também rendimentos e bens desse dependente #ir2016

Quem recebe pensão alimentícia não pode ser dependente do contribuinte que paga o benefício, mas sim “alimentando” #ir2016

Menor pobre até 21 anos pode ser dependente, desde que o contribuinte detenha sua guarda judicial #IR2016

Geralmente dependente com renda própria deve ter uma declaração própria para não aumentar a renda do titular #IR2016

Considerar pais, avós e bisavós com 65 anos ou mais, com aposentadoria de até R$ 22.499,13, como dependentes tende a ser vantajoso #IR2016

Aposentado

Aposentado com mais de 65 anos tem limite extra de isenção sobre aposentadoria recebida a cada mês, em 2015 #ir2016 

Limite extra de isenção só vale para aposentadoria e pensão do INSS ou benefício de previdência privada. Para aluguel não vale #IR2016

Aposentado com mais de uma fonte de renda precisa somar os rendimentos e calcular mês a mês para saber se houve imposto #ir2016

Rendimento recebido por portador de doença grave é isento. Mas precisa ser comprovado por perito médico #ir2016 

No IR estão entre as doenças consideradas grave: câncer, aids, Parkinson, esclerose múltipla e outras #ir2016

Declaração de bens

Na declaração de IR você tem de informar os bens, como casa e carro, que tinha no fim de 2014 e os que comprou ou vendeu em 2015 #ir2016

A entrega da declaração anual se torna obrigatória quando o total de seus bens, casa, carro, dinheiro no banco superar R$ 300 mil #ir2016

É na ficha “Declaração de Bens” que você vai informar imóvel, carro, dinheiro em aplicação e em conta corrente #economia10 #ir2016

Bens que valem menos de R$ 5 mil, como uma joia, uma tevê, um quadro, não precisam entrar na declaração #ir2016

Toda compra e venda de carro precisa ser informada na “declaração de bens”, com dados de vendedor e comprador #ir2016

Comprou carro à vista em 2015? Na “Declaração de Bens, deixe a coluna 31/12/2014 em branco e lance em 2015 o valor total de compra #ir2016

Financiou carro em 2015? Na “Declaração de Bens”, deixe a coluna 2014 em branco e informe entrada e prestações pagas na coluna2015 #ir2016

Vendeu carro em 2015? Na “Declaração de Bens”, coluna 2014, vai mesmo valor declarado no ano passado, deixe em branco coluna 2015 #ir2016

Toda compra e venda de imóvel em 2015 precisa ser informada na Declaração Anual de Ajuste do Imposto de Renda #IR2016

Comprou imóvel à vista? Na Declaração de Bens, coluna 31.12.2014 fica em branco e preço de compra vai na coluna 2015 #IR2016

Comprou imóvel financiado em 2015? Deixe a coluna 2014 em branco e informe entrada e prestações pagas na coluna 31.12.2015 #IR2016

Vendeu imóvel em 2015? Você deve dar baixa na Declaração de Bens, com dados da venda e do comprador #IR2016

Se vendeu imóvel em 2015, deve verificar se houve lucro, diferença positiva entre o valor de venda e o de compra #IR2016

Para calcular o lucro na venda imóvel, use o programa Ganho de Capital 2015, no site da Receita Federal #IR2016

Há isenção do lucro na venda de imóvel pelo valor total até R$ 35 mil, ou do único imóvel por até R$ 440 mil #IR2016

Há isenção do lucro na venda de imóvel residencial, se no prazo de 180 dias o vendedor comprar outro imóvel residencial #IR2016

Há isenção do lucro na venda de imóvel que foi adquirido antes de 1969 #IR2016

Se imóvel não se enquadrar nos casos de isenção, a diferença entre o preço de venda e o de compra será tributada por 15% #IR2016

Dívida com banco, parente ou amigo precisa ser informada na ficha “Dívidas”, se superior a R$ 5 mil em 31/12/15 #ir2016

Não precisa informar saldo devedor de financiamento de imóvel (SFH), ou carro. Só o que foi pago em 2015 #ir2016

Para declarar e entregar

Perdeu número de recibo da declaração de 2015? Não há problema, pode enviar o IR 2016 mesmo assim #ir2016

O certificado digital traz facilidades para o contribuinte usar vários serviços da Receita Federal e custa entre 150 e 200 reais #IR2016

A lista de empresas habilitadas para fornecer o certificado digital está no htpp://rfb.gov.br, em “Certificadoras digitais” #IR2016

A declaração precisa ser entregue até meia-noite de 29 de abril, se atrasar há multa mínima de R$ 165,74 #ir2016

Quem está obrigado a declarar e não entregar a declaração pode pagar multa de até 75% do imposto devido #ir2016

Pendências com a Receita poderão levar à suspensão do CPF e dificuldades ao crédito, compra de imóvel e visto para viajar#ir2016

Orientações finais

126Quando a declaração cai em malha fina, contribuinte terá de fazer retificação ou provar à Receita que está certo #ir2016

Antes de enviar a declaração, é bom conferir as informações dadas, checando valores, CPFs, CNPJs e códigos #ir2016

Verifique na ficha de Resumo da Declaração se todas as deduções foram consideradas no cálculo do imposto #ir2016

Mesmo que não tenha todos os dados para finalizar a declaração entregue como está, evite multa. Depois, envie retificadora #ir2016

Contribuinte deve imprimir e guardar número de recibo de entrega da declaração. Vai precisar dele ano que vem #ir2016

Só recibo com código permite acompanhar todo o processamento de sua declaração #ir2016

Contribuinte deve guardar comprovantes usados na declaração de 2016 por mais cinco anos, até 2021 #ir2016

Se após o envio perceber algum erro, você poderá encaminhar uma declaração retificadora em até cinco anos #ir2016

Se não concordar com erro apontado pelo Leão, contribuinte deve agendar defesa a partir de janeiro de 2017 na Receita #ir2016

Usar a declaração que já vem preenchida pela Receita facilita a sua vida e evita erros, mas é preciso ter certificado digital #IR2016

Quem usar a declaração que já vem preenchida precisa conferir e, se for o caso, alterar os dados #ir2016

Imposto a pagar ou a restituir

Na declaração de ajuste, você pode chegar a mais imposto a pagar ou a imposto a receber de volta #ir2016

Quem tiver imposto a pagar poderá acertar as contas com o Leão em até 8 parcelas desde que o total seja igual ou superior a 100 reais #ir2016

O vencimento da cota única ou da primeira cota do IR de 2016 é 29 de abril, as demais vencem no fim dos meses seguintes #ir2016

Do ponto de vista financeiro, pagar em parcela única compensa, porque correção é muito pesada #ir2016

Vale a pena sacar dinheiro que está aplicado e pagar imposto em parcela única, porque atualização da cota é pesada #ir2016

Quem tem direito à restituição vai receber o dinheiro de junho a dezembro deste ano, sempre no dia 15 de cada mês #IR2016

A restituição do IR é creditada na conta indicada pelo contribuinte. Se houver problema, dinheiro vai para o Banco do Brasil #ir2016

Se quiser, o contribuinte poderá cadastrar o celular no site da Receita e receber uma mensagem SMS quando restituição for liberada #ir2016

Outras categorias:

Assim você busca por assunto,
aquilo que mais interessa.

E aqui a gente separou o que é mais acessado:

Mas se quiser receber nossos artigos
por e-mail, cadastre-se: